Um clássico à altura da grandeza de Santa Cruz e Náutico - G7 Salgueiro

Anuncio No Post

Anuncio Aqui

Um clássico à altura da grandeza de Santa Cruz e Náutico

Compartilhar

A temporada do futebol brasileiro está apenas no seu início. Mesmo assim, não é nada estranho afirmar que Santa Cruz e Náutico se enfrentarão em uma verdadeira decisão na noite desta quarta-feira (19). No Arruda, às 21h30, Cobra Coral e Timbu vão medir forças em um jogo que valerá tanto ou mais do que uma final de Campeonato Pernambucano. Tricolores e alvirrubros disputam não só uma vaga na terceira fase da Copa do Brasil, como também a polpuda premiação destinada ao vencedor - R$ 1,45 milhão. Uma quantia fundamental para que ambos os clubes respirem financeiramente ao longo de 2019. Há tempos o Clássico das Emoções não justificava tamanha euforia.

Desde o início do ano que o Santa Cruz não esconde o jogo. Em repetidas ocasiões o treinador Leston Júnior afirmava que a prioridade, ao menos no primeiro semestre, era realizar uma boa campanha na Copa do Brasil. Nem que para isso tivesse que poupar seus principais jogadores no Campeonato Pernambucano e Copa do Nordeste. E o Tricolor chega embalado para o jogo desta noite. Até agora, o time sofreu apenas uma derrota na temporada - para o forte time do Bahia. Além disso, vem de uma vitória no clássico contra o Sport, disputado no último domingo.

Apesar do bom momento vivido, a Cobra Coral não terá o máximo de sua força dentro de campo. O atacante Elias foi expulso diante do Sinop/MT, na primeira fase da Copa do Brasil e cumprirá suspensão. Há muitas opções para a vaga. Caso adote uma postura igual à que vinha mostrando, Augusto deve entrar na vaga. Porém, se o técnico Leston Júnior optar por uma formação mais conservadora, o posto é disputado pelo lateral-direito Cesinha e o meia Luiz Felipe. No gol, uma possível baixa: Ricardo Ernesto é dúvida. Anderson, que foi bem contra o Sport, seguiria no time caso o titular seja mesmo vetado.

De possível preocupação à dor de cabeça oficial. Resumo rápido sobre o antes e o depois das palavras do técnico Márcio Goiano sobre o atacante Pipico, do Santa Cruz. O encontro em questão foi o primeiro entre o Náutico e o rival, há pouco mais de uma semana, nos Aflitos, pela Copa do Nordeste. O jogo terminou empatado em 2x2, com dois gols do centroavante coral. Com essa lembrança amarga, o treinador pediu cuidado especial com o atleta. 

"Pipico é um artilheiro. Jogou em vários clubes e sempre fez gols. Foi decisivo assim que chegou ao Santa, no ano passado. Tem presença de área e precisamos ter atenção. Ele fez a diferença no clássico passado e não podemos que ele tenha a mesma facilidade agora", citou.

Para o clássico, Goiano terá os desfalques do zagueiro Sueliton e do lateral-esquerdo Assis. O primeiro está suspenso por conta da expulsão diante do Imperatriz/MA, na primeira fase. Já o segundo está com uma lesão na coxa. Rafael Ribeiro e Gabriel Araújo, respectivamente, serão os substitutos. Recuperado de lesão, o atacante Wallace Pernambucano, poupado ante o Flamengo/PE, volta ao time. A única dúvida é se o treinador vai manter Jiménez na cabeça de área ou se vai promover o retorno de Josa, então titular que ficou fora dos últimos jogos por conta de um problema no púbis.

Série C
A CBF divulgou ontem a tabela da Série C 2019. Situados no Grupo A, Santa Cruz e Náutico estreiam no dia 27 de abril. O Tricolor encara o Treze, no Arruda. Já o Timbu visita o ABC, no Frasqueirão. Além dessas equipes, estão na chave Imperatriz/MA, Globo/RN, Botafogo/PB, Ferroviário/CE, Confiança e Sampaio Corrêa. Folha PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Anuncio No Post

Anuncio Aqui!