Empresários relatam que serra-talhadenses foram escudos humanos; corpos chegam nesta 6ª - G7 Salgueiro

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Empresários relatam que serra-talhadenses foram escudos humanos; corpos chegam nesta 6ª

Share This

O empresário serra-talhadense João Batista Magalhães (Foto), 49 anos, e seu filho, Vinicius Magalhães, 14 anos, além de mais três pessoas que vinham para Serra Talhada, Cícero Tenório dos Santos, 60 anos, e sua esposa, Claudinei Campos de Souza, 42, bem como o filho do casal, Gustavo Tenório dos Santos, 13 anos, foram usadas como escudos humanos durante o tiroteio entre os bandidos e a polícia, na madrugada desta sexta-feira (7) no município de Milagres, no Cariri Cearense.

A afirmação foi feita pelo empresário João Daniel e pelo corretor de imóveis, Mario Olímpio, durante conversa com o Farol. Eles fazem parte de uma comitiva de amigos que seguiram logo cedo para organizar o translado de Milagres para Serra Talhada.

“Uma coisa horrível, foram feitos escudos humanos e ficaram no meio do tiroteio. Muito triste e o clima é de dor por aqui”, disse Olímpio, afirmando que os corpos devem chegar a Casa de Homenagens Póstumas Bezerra de Melo e o sepultamento ocorrerá na manhã do sábado (8).

O casal e o filho que vinham de São Paulo devem ser sepultados em São José do Belmonte, a vítima,Claudinei Souza, é natural do distrito do Carmo. Via Farol de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages