Candidato da chapa única à presidência da OAB-PE almoça com advogados em Salgueiro - G7 Salgueiro

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Candidato da chapa única à presidência da OAB-PE almoça com advogados em Salgueiro

Share This

Mesmo sem opositor, o candidato da chapa única à presidência da OAB Seccional Pernambuco (OAB-PE), Bruno Baptista, iniciou um périplo por diversas cidades do interior buscando conclamar a classe a participar da eleição no dia 19 de novembro. Nesta quarta-feira, 7, Baptista e outros componentes da chapa “Advocacia Unida, OAB mais forte” almoçaram no Salgueiro Plaza Hotel com causídicos de toda a região, que fazem parte da OAB-PE Subseção Salgueiro. O encontro contou com a presença do presidente da OAB-PE na cidade, Darlyson Torres, que disputa a reeleição também em chapa única.

Bruno Baptista preside a Caixa de Assistência dos Advogados de Pernambuco (CAAPE) desde 2016 e recebeu apoio do atual presidente da OAB-PE, Ronnie Preuss. Ele afirma que pautará a gestão em cinco eixos principais. “O primeiro é o advogado do interior, o segundo o jovem advogado, o terceiro a mulher advogada, quarto é a participação da OAB no aperfeiçoamento profissional e o quinto é a assistência ao advogado. Então a gente vai valorizar esses cinco eixos, principalmente a advocacia do interior para aproximar cada vez mais a OAB do advogado pernambucano do Litoral ao Sertão”, disse ele.

A chapa única é formada por 78 conselheiros, oito diretores, seis conselheiros federais e cinco diretores da CAAPE. Além de Baptista, a direção do bloco é integrada por Ingrid Zanella na vice-presidência, Ana Luiza Mousinho na Secretaria Geral e Ivo Amaral na Secretaria Adjunta. O grupo pretende dar seguimento às ações da atual gestão e fortalecer ainda mais a entidade, sobretudo na defesa das prerrogativas dos advogados. “A gente vai ser duro e rigoroso para não permitir que as prerrogativas dos advogados sejam violadas”, enfatizou Baptista.

O processo eleitoral da OAB-PE ocorrerá em todas as subseccionais pernambucanas. Todos os profissionais que possuem carteira da OAB devem votar, sob pena de multa. O voto será feito de modo manual, porque não houve tempo hábil de utilizar as urnas eletrônicas devido à votação do segundo turno. Via Chico Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages