Integrantes de quadrilha mortos em Salgueiro utilizavam armas mais letais do mundo; um dos suspeitos era ex-PM - G7 Salgueiro

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Integrantes de quadrilha mortos em Salgueiro utilizavam armas mais letais do mundo; um dos suspeitos era ex-PM

Share This


Seis suspeitos de integrar um grupo de assaltantes morreram em confronto com a polícia em Salgueiro (PE), no Sertão Central, na manhã de hoje (26). Como este Blog mostrou mais cedo, o grupo criminoso tentou roubar dinheiro de um avião que abasteceria carros-fortes no campo de aviação da cidade. A quadrilha vinha sendo investigada há três anos.

A ação contou com a participação de policiais militares e federais da Bahia e Pernambuco. Segundo informações da Companhia Independente de Policiamento Especializado na Caatinga (Cipe-Caatinga), um dos mortos é um ex-policial militar da Bahia, identificado como Galdioso Moura da Silva, de 47 anos. Ele havia sido preso em fevereiro de 2016 por participação na explosão do cofre do Banco do Brasil de Jacobina, no norte da Bahia.

Os outros suspeitos mortos são: Giordano Riccelli Holanda, Carlos Alberto dos Santos, Sebastião Barbosa, Gracenildo Rodrigues e Edvaldo Silva.

Conforme a Cipe-Caatinga, o grupo praticou crimes na cidade de Bom Jesus da Lapa, oeste da Bahia, onde 2 policias militares foram executados; ataque a agência do Banco do Brasil em Jacobina, no norte baiano; a um carro-forte no bairro Atrás da Banca, em Petrolina; além de assaltar cerca de 4 carros-fortes entre Remanso e Juazeiro, norte da Bahia.

Apreensões

Os suspeitos estavam em um carro, que ficou crivado de balas. Com eles, foram apreendidos seis fuzis AK-47 (arma mais letal do mundo) e uma pistola ponto 50. A polícia ainda faz bloqueios nas saídas de Salgueiro e as buscas por outros integrantes da quadrilha continuam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages