G7 Fique por Dentro: Rapidinhas - Quinta-Feira 21/06/2018 - G7 Salgueiro

Post Top Ad

Responsive Ads Here

G7 Fique por Dentro: Rapidinhas - Quinta-Feira 21/06/2018

Share This

Fica em São Lourenço
Gino Albanez (PSB), ex-prefeito de São Lourenço, não vai mais assumir a direção do Porto do Recife. Achou a casa muito desarrumada, deficitária, com muitos cargos em comissão e salários atrasados. E sem dinheiro sequer para comprar uma resma de papel. Vai ficar em São Lourenço cuidando das campanhas de Paulo Câmara, Eduardo da Fonte (PP) e Vinicius Labanca (PP).

Reeleição > Múcio Novaes, leitor da coluna, complementa informação divulgada ontem. Além de Marco Maciel, outro senador foi reeleito em Pernambuco: Novaes Filho, de quem é parente. Elegeu-se em 46 e se reelegeu em 54.

Por quê? > Muitos políticos da Frente Popular estão à procura de uma explicação para as mudanças feitas por Paulo Câmara na sua equipe. Por exemplo: pra que tirar Márcio Stefanni do Planejamento e colocá-lo no Turismo faltando apenas 6 meses para o término do governo?

A intenção > Pergunta que deputados se faziam ontem na Assembleia Legislativa: ao estimular Marília Arraes (PT) a anunciar aliança com o Avante, sem prévia discussão com o PT, para fazê-lo candidato a senador em sua chapa, Sílvio Costa quis ajudá-la ou tirá-la do páreo?

A razão > Não só no Brasil, mas no mundo todo, eleitores nem sempre votam com a razão. Se o fizessem, Geraldo Alckmin (PSDB), que chega amanhã ao Recife, não teria apenas 6% de intenções de voto para presidente, tendo sido 4 vezes governador de São Paulo.

Prego com estopa
Após o deputado Silvio Costa ser lançado na disputa pelo Senado por Marília Arraes, havia, ontem, no grupo de defende a candidatura própria do PT quem sublinhasse que ele não acataria o ato se não tivesse 95% de certeza que a petista será candidata.

Estímulo > Houve quem gifasse que a conversa recente com Lula teve peso na decisão de Silvio. Ao deixar a Superintendência da PF, em Curitiba, no final de maio, Silvio Costa destacou que saía dali “mais pré-candidato a senador do que nunca”.

Número 1 > Mesmo entre governistas havia, ontem, quem observasse que a candidatura de Marília “cresceu muito” e que, além disso, a exigência “número um” do PT para coligar com o PSB é ter uma aliança nacional com direito a tempo de TV da sigla, coisa que os socialistas dificilmente conseguirão entregar.

Bancada > Na conta de quem apoia a candidatura própria do PT, registra-se que, coligando com o Avante, a legenda pode atrair outras siglas, o que a levará a eleger deputados federais, viabilizando a equação proporcional.

Foro > O STJ finalizou, ontem, a discussão sobre o foro dos governadores. Decidiu que só julgará casos cometidos durante o mandato e relacionados ao exercício do cargo. Com isso, o Inquérito 4292, que já tinha saído do STF para o STJ, deve ser direcionado à primeira instância da Justiça em Pernambuco. 

Conselheiros > O STJ, na mesma discussão, aplicou a restrição do foro também para os conselheiros de tribunais de contas, que só serão julgados em casos relacionados ao cargo.

Pró-refinaria > Tadeu Alencar será o coordenador do Estado na Frente em Defesa das Refinarias da Petrobras, lançada, ontem, na Câmara, que se opõe à venda de quatro refinarias, inclusive a Abreu e Lima. Tadeu propôs um ato público em julho, em Suape, para protestar contra uma possível venda da unidade. Folha PE

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages