G7 Sertão: Começa campanha contra febre aftosa e criadores têm até 31 de maio para vacinar rebanhos no Sertão de PE - G7 Salgueiro

Post Top Ad

Responsive Ads Here

G7 Sertão: Começa campanha contra febre aftosa e criadores têm até 31 de maio para vacinar rebanhos no Sertão de PE

Share This

Começa nesta terça-feira (1º) a campanha contra febre aftosa em Pernambuco. Os criadores de bovinos da regional de Petrolina, que abrange Dormentes, Santa Maria, Afrânio, Lagoa Grande e Orocó têm até 31 de maio para vacinar o rebanho. Já a declaração pode ser feita até o dia 15 de junho nos escritórios locais da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro).

De acordo com a Adagro, animais de todas as idades devem ser vacinados, incluindo recém-nascidos. O produtor deverá adquirir a vacina nas casas agropecuárias. A dose da vacina custa em média R$ 1,50. Depois da vacinação, o produtor deve fazer a sua atualização cadastral na Adagro.

A regional de Petrolina possui 56.220 animais. Ano passado foram vacinados mais de 95% do rebanho, atingindo a meta. Segundo a gerente regional da Adagro, Maria do Carmo Freitas de Sá, este ano os criadores do Sertão devem ficar ainda mais atentos, pois tiveram mudanças em relação as multas para os criadores que não realizarem a imunização.

“Hoje a multa por não vacinar é de R$300 por propriedade inadimplente e R$ 60 por animal. E se mesmo assim, o criador não declarar, ainda paga R$500 porque não atendeu o chamado da Adagro. Antes, os criadores pagavam R$ 60 por tudo, propriedade e animais não vacinados”, explicou.

De acordo com a Adagro, além da multa, o produtor que não vacinar ou declarar seus animais também ficará impossibilitado de retirar a Guia de Trânsito Animal (GTA), documento necessário para transitar com o animal para eventos agropecuários, enviar animal para abate ou até mesmo vendê-lo para outro proprietário.

O último registro de febre aftosa em Pernambuco foi em 1998. Em maio deste ano o Brasil será reconhecido internacionalmente como área livre de febre aftosa com vacinação.

Aftosa
A febre aftosa é uma enfermidade de fácil contágio pelo ar e, apesar de não levar à morte do animal, causa perdas significativas à criação. Além disso, ela é um dos principais entraves à exportação da carne. Os principais sintomas da febre aftosa são feridas na boca, nas glândulas mamárias e no casco. O diagnóstico é feito ao observar a salivação excessiva e se o animal anda com dificuldade. Por não conseguir se alimentar, ele apresenta enfraquecimento e perda de peso. G1



Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages